Manutenção


DT-MT001

Bancada para Estudo de Mecanismos, Transmissão Mecânica e Instalação de Rolamentos

Este sistema permite estudar os diferentes sistemas de transmissão mecânica.

Uma bancada em perfil extrudado de alumínio permite a montagem de diferentes situações problemas, tipicamente encontradas na indústria, como a análise de problemas em rolamentos, o uso de ferramentas adequadas a cada aplicação e ações corretivas.

Programa Didático

  1. Estudar os princípios de manutenção de rolamentos.
  2. Utilização de ferramentas adequadas.
  3. Lubrificação e aplicações.
  4. Acionamentos mecânicos.
  5. Transmissões mecânicas.

DT-MT003

Célula para Estudo de Manutenção Eletromecânica

Este sistema permite estudar a manutenção de equipamentos industriais. Possui um quadro elétrico de comando, que permite que os alunos ganhem experiência prática através da instalação, operação e manutenção de uma célula industrial e de seus sub-sistemas. O professor pode fazer a inserção de até 120 diferentes falhas.

Programa Didático

  1. Estudar os principios de manutenção eletro-mecânicos. Práticas de cabeamentomaneto.
  2. Montagem.
  3. Manutenção preventiva e corretiva de sistemas mecatrônicos industriais.

DT-MT008

Banco de Ensaios de Corrosão

Demonstra o processo de corrosão química em diferentes materiais.

Programa Didático

  1. Corrosão em diversos materiais metálicos, oxidação e passivação, formação de elementos locais.
  2. Influência do pH em solução eletrolítica.
  3. Influencia da concentração salina na solução eletrolítica, corrosão por oxidação.

DT-MT014

Sistemas de Tubulação

Os estudantes aprendem os métodos necessários para conexão e execução de tubulações de metal/ferro, plástico, cobre, e mangueiras hidráulicas. 

Cada material tem seus próprios métodos particulares usados para encanamento.


DT-MT020

Ultrassom

Estuda a aplicação do ultra-som nas áreas didática, médica e industrial.

O componente principal é um ecógrafo com canais de emissão e recepção, com um software de análise e transdutores de ultrassom de 1 e 4 MHz. 

Este sistema permite a representação simultânea no monitor do sinal de recepção (ecograma) e do sinal TGC (ganho em função do tempo), visualização da potência de emissão, frequência, ganho, transformada de Fourier, representação de imagens B (bidimensionais) e imagens ao longo do tempo.

Princípios básicos do Ultrassom

  1. Ecografia ultra sônica.
  2. Velocidade do ultrassom em sólidos.
  3. A atenuação do ultrassom em sólidos.
  4. A atenuação do ultrassom em líquidos.
  5. Investigação espectral.
  6. Dependência da resolução com a freqüência.
  7. Ondas transversais em materiais sólidos.
  8. Scanner de ultrassom (imagem B).
  9. Tomografia de ultra-sonografia computadorizada.
  10. Características do campo acústico.

Aplicações Industriais

  1. Métodos de scanner mecânico.
  2. Ensaios Não Destrutivos.
  3. Ondas Rayleigh.
  4. Medição de nível.
  5. Medidas de concentração.
  6. Medidas de vazão
  7. Medidas de ângulo do feixe.
  8. Técnica de difração do tempo de voo (TOFD).
  9. Detecção de descontinuidades.

Scanner de ultrassom – Física

Tomografia de Ultra-Sonografia Computadorizada – Física

Medição de Nível – Indústria

 

Óptica acústica

  1. Efeito Debye-Sears.
  2. Projeção de ondas estacionárias.

Efeito Doppler com ultrassom

  1. Efeito Doppler ultrassônico.
  2. Perfis do fluxo.
  3. Mecânica do fluxo.

Unidade equipada com válvula de regulação DT-MT024.02.

DT-MT024

Banco para Estudo de Válvulas e Controle de Vazão

Esta unidade móvel permite estudar diversos tipos de válvula de regulação (acessórios opcionais, DT-MT024.01,  DT-MT024.02 e DT-MT024.03) e o controle de vazão usando um circuito fechado dotado de uma bomba de recirculação e de um tanque de acumulação. 

Medem-se a vazão e a perda de carga na válvula (acessório opcional), controlada por um controlador industrial. Pode-se utilizar tanto uma válvula com acionador elétrico quanto uma pneumática. 

Um software SCADA para Windows permite controlar a unidade a partir do computador, e avaliar as respostas do sistema às perturbações.

Programa didático

  1. Medida das perdas de carga e da vazão.
  2. Determinação do Kv e do Cv de uma válvula.
  3. Determinação da curva característica da válvula.
  4. Registro de uma resposta por passos.
  5. Regulação do posicionador.
  6. Regulação proporcional, integral e derivativa.
  7. Controle de malha aberta.
  8. Controle de malha fechada.
  9. Técnicas de ajuste de um controlador.
  10. Supervisão da instalação por software SCADA.

DT-MT025

Sistema de Treinamento em Caldeiras com Módulo de Inserção de Falhas

Este Treinador de Caldeira a Vapor fornece, de modo eficiente, água quente para processos de calor e calefação residencial usados na indústria. 

Este treinador ensina aos técnicos as habilidades necessárias para selecionar, operar, instalar, manter e reparar sistemas básicos de vapor. 

Este modelo é um sistema do “mundo real”, e produz água de processo aquecida. Inclui os principais componentes de vapor e de água quente comumente encontrados. 

O treinador também inclui instrumentação extensiva sobre pressão, temperatura e vazão, possibilitando aos estudantes o aprendizado de habilidades operacionais e resolução de problemas. A tubulação é projetada de modo que os componentes possam ser removidos e substituídos. 

Modos de Operação

  • Geração de vapor, partida.
  • De vapor para água quente, usando um trocador de calor
  • De vapor para água quente, usando dois trocadores de calor.
  • Resfriamento de água quente, usando um trocador de calor.
  • Blow down/desligamento da caldeira de vapor.

DT-MT026

Sistema de Treinamento em  Bombas e Válvulas

Este treinador foi desenvolvido para atender às necessidades de treinamento específicas em instalações industriais. 

Inclui as instalações básicas necessárias para bombear água (ou outros fluidos) em um circuito, juntamente com a(s) bomba(s) específica, válvulas e configurações específicas da planta. 

Além disso, todos os principais componentes são dotados de flanges, permitindo fácil remoção da unidade. Isso permite que o trainee aprenda os procedimentos apropriados.

A unidade fica permanentemente montada em um painel de controle de aço, sendo que no topo da estrutura há um esquema do sistema de bombeamento. 

Essa unidade tem 152 mm de altura, 178 mm de largura e 76 cm de profundidade, e possui manual de instruções.

DT-MT027

Sistema de Treinamento em Elementos de Máquina

Este Sistema de treinamento em elementos de máquina proporciona os equipamentos necessários ao aprendizado prático de técnicas avançadas de manutenção de sistemas de acionamento complexos.

Este sistema consiste em vários mecanismos e acionamentos usados na indústria, incluindo:

  1. Acionamentos por engrenagem.
  2. Acionamento por correia V.
  3. Acionamentos por corrente.
  4. Acionamentos de ângulo reto e redutores de velocidade.
  5. Eixos de chavetas.
  6. Rolamentos.
  7. Correntes de rolo.
  8. Acoplamentos.
  9. Embreagens.
  10. Freios.
  11. Esteiras transportadoras.
  12. Bombas.
  13. Motores elétricos.
  14. Técnicas de lubrificação.

Clique aqui para conhecer os acessórios>


DT-MT028

Sistema de Transferência Mecânica (Versão opcional com pacote de data logging)

Este sistema de transferência mecânica é projetado para proporcionar aos estudantes a compreensão de acionamentos e acoplamentos mecânicos. Isso fornecerá as bases necessárias ao estudo de máquinas mais avançadas, tais como robôs industriais. 

Os estudantes vão investigar, por exemplo: acionamentos de velocidade proporcional; saída linear e rotativa; acionamentos intermitentes; alavancas; manivelas deslizantes; mecanismos de retorno rápido e de quatro barras.


DT-MT029

Treinador para Estudo das Vibrações Mecânicas

O diagnóstico de vibrações é uma técnica para verificação da condição de máquinas rotativas (por ex. mecânicas).

Executando esse procedimento regularmente, você será informado antecipadamente sobre potenciais falhas antes que a máquina alcance a condição de ruptura (ou seja, antes de ter de aplicar a manutenção corretiva).

Isso é de grande vantagem pra grandes motores e geradores, evitando vistorias dispendiosas. Também é muito importante para essas máquinas críticas (às vezes, mesmo para máquinas de baixa potência), cuja falha poderia interromper um processo industrial complexo e dispendioso. 

A medição periódica, o registro de valores e a avaliação dos dados coletados constituem uma das mais importantes funções da MANUTENÇÃO PREVENTIVA.

Com as informações obtidas por meio desta técnica, você pode rapidamente decidir o melhor momento para parar a máquina a fim de repará-la; você controla a situação, em vez de “ser controlado” pela condição da máquina. 

As medidas de diagnóstico de vibrações significam:

  • Diagnóstico da condição dos rolamentos e sua lubrificação;
  • Diagnóstico de falhas mecânicas (desalinhamento de eixos, desbalanceamento de massas rotativas, detecção de afrouxamento de componentes e as perigosas ressonâncias mecânicas).

Esta técnica pode ser aplicada:

  • No estágio de fabricação das máquinas, para verificação do projeto
  • Em fábricas, no estágio de produção, para aumentar o desempenho de peças rotativas
  • Na manutenção, para manter as máquinas sob controle.
  • Oficinas, para controle das partes rotativas reparadas.

Composição

  • Um Conjunto de Máquinas, incluindo:
    • um motor assíncrono trifásico
    • um acionamento eletrônico para o motor, para variar sua velocidade, e, assim, examinar os efeitos deste parâmetro sobre a análise de vibrações.
    • um conjunto de cargas mecânicas, modificadas para simular as “falhas” a serem medidas com o Instrumento de Medida de Vibrações. 
    • uma base de suporte para o motor e a carga mecânica. A base foi projetada para inserir algumas “falhas” a serem medidas com o Instrumento de Medida de Vibrações. 
    • o motor, a carga mecânica e a base incluem os pontos de medida; esses pontos estão prontos para a aplicação de um sensor de vibração. 
  • Um Instrumento de Medida de Vibrações.

Programa didático

  1. A importância da medida de vibrações
  2. Estudo dos fatores que podem causar variação das peças rotativas
  3. Parâmetros de medida de vibrações usados na indústria: RMS geral e pico (PEAK) de velocidade. RMS total e pico de aceleração. RMS total e deslocamento de pico, detecção de falhas em rolamentos, medida de envelope de aceleração
  4. Influência do RPM sobre os parâmetros medidos
  5. Seleção dos melhores pontos para verificação de vibrações
  6. Preparação da superfície dos pontos de medida; precauções a serem tomadas
  7. O instrumento de medida de vibrações: sensores de entrada, saídas, parâmetros medidos
  8. Medidas industriais clássicas em máquinas rotativas relacionadas a vibrações mecânicas: massas desbalanceadas, desalinhamento de eixo, afrouxamento de máquina
  9. Avaliação dos dados coletados e mais ações a serem adotadas