Tratamento de Água e Engenharia Ambiental


DT-TA002

dt-ta002.jpg

Planta Piloto Automatizada de Coagulação, Floculação e Decantação 

(Opção: Versão manual)

Planta piloto que permite o estudo dos processos de coagulação, floculação e decantação, tanto em separado como simultaneamente. 

Programa Didático

  1. Estudar o processo de coagulação.
  2. Estudar o processo de floculação.
  3. Estudar decantação em paralelo e contra-corrente.
  4. Estudar as características dos coagulantes e floculantes.
  5. Otimizar a coagulação-floculação e ajustes dos processos.
  6. Estudar o controle PID automático de uma planta  automatizada.
  7. Estudar a supervisão de uma planta via software automatizada.

DT-TA003

ta003.png

Planta Piloto Automatizada de Digestão Anaeróbica

Estuda uma  planta piloto anaeróbica de tratamento de Lodos.

Programa Didático

  1. Estudar a eficiência da purificação em função dos seguintes parâmetros: carga orgânica, tempo de permanência, taxa de recirculação temperatura digestor e pH e rH.
  2. Estudar o controle PID automático de uma planta (apenas na versão automatizada).
  3. Estudar a supervisão de uma planta via software (apenas na versão automatizada).

DT-TA004

DT-TA005

Planta Piloto Automatizada de Filtração de Efluentes

(Opção: Versão manual)

Estuda uma  planta piloto de filtragem de efluentes.

Programa Didático

  1. Estudar o processo de filtragem mecânica.
  2. Estudar o processo de filtragem química.
  3. Estudar os parâmetros principais que influenciam a filtragem, tais como dimensões dos espaços filtrantes, forma das partículas filtrantes, peso especifico das partículas e velocidade de filtragem.
  4. Estudar a influência da vazão de alimentação sobre a filtragem.
ta005.png

Planta Piloto Automatizada com Filtro Micro-prensa e Micro-filtro

Estuda uma planta piloto de filtragem.

Programa Didático

  1. Estudar a o processo de Dead End Filtration (filtro-prensa).
  2. Estudar filtração tangencial (microfiltro).
  3. Estudar as equações características da filtragem.
  4. Estudar a filtragem com vazão ou pressão constante.
  5. Estudar a turbidez da água.
  6. Estudar o controle PID automático de uma planta.
  7. Estudar a supervisão de uma planta via software.

DT-TA006

DT-TA010

ta006.png

Planta Piloto Automatizada de Osmose Reversa

(Opção: Versão manual)

Estuda uma  planta piloto de osmose reversa.

 

Programa Didático

  1. Estudar o efeito da pressão de operação.
  2. Estudar o efeito da vazão de alimentação.
  3. Estudar o efeito do tratamento com luz UV (esterilização do permeado).
  4. Estudar a razão entre concentração e permeado.
  5. Otimizar o processo de osmose reversa.
  6. Estudar o controle PID automático de uma planta (apenas na versão automatizada).
  7. Estudar a supervisão de uma planta via software apenas na versão OIa).

Planta Piloto de Purificação de Água

(Opção: Versão manual)

Estuda uma  planta piloto de lodos ativos, composta de um reator de oxidação, um decantador e uma cuba de cloração, dispostos de acordo com o esquema clássico de depuração de esgoto.

Programa Didático

  1. Estudar a eficiência da purificação em função dos seguintes parâmetros: carga orgânica, tempo de permanência, composição da água a ser tratada, pH no tanque de oxidação e concentração de oxigênio dissolvido.
  2. Estudar o controle PID automático de uma planta (apenas na versão automatizada).
  3. Estudar a supervisão de uma planta via software

DT-TA019

thumb-tratamento-agua.png

Planta Piloto de Osmose e Ultrafiltração

(Opção: Versão manual)

Essa unidade é um sistema para estudo de osmose reversa e ultrafiltração em uma vasta gama de condições de operação.

Programa Didático

Efeitos, sobre o processo, dos seguintes parâmetros de operação:

  • Vazão de alimentação.
  • Concentração da alimentação.
  • Pressão de operação.
  • Temperatura.
  1. Pré-concentração e concentração de leite.
  2. Clarificação e concentração de suco de frutas.
  3. Dessalinização da água.

DT-TA020

thumb-tratamento-agua.png

Planta Piloto de Tratamento Aeróbio de Água

Tratamento aeróbio de água por lodo ativado, com aquisição de dados.

 

Programa Didático

  1. Composição da água a ser tratada
  2. Tempo de residência
  3. Carga orgânica
  4. pH no tanque de oxidação
  5. Concentração do oxigênio dissolvido

DT-TA021

thumb-tratamento-agua.png

Planta Piloto de Tratamento Anaeróbio de Água

Tratamento anaeróbio de água, com aquisição de dados.

 

Programa Didático

Eficiência da purificação em função dos seguintes parâmetros:

  1. Taxa de reciclagem
  2. Temperatura do digestor
  3. Carga orgânica
  4. pH e rH

DT-TA022

thumb-tratamento-agua.png

Planta Piloto de Filtragem Gravitacional

Filtragem por processo gravitacional, com aquisição de dados.

 

Programa Didático

  1. Filtragem mecânica
  2. Principais parâmetros que afetam a filtragem
  3. Influência da vazão de alimentação sobre a filtragem

DT-TA023

Planta Piloto de Purificação de Água

Sistema modular de purificação de água, consistindo de uma unidade de serviço que pode ser conectada a sistema de purificação aeróbia ou anaeróbia. 

Sistema de Purificação Aeróbia

 

Estudo, simulação, dimensionamento e otimização em função dos seguintes parâmetros:

  • tempo de residência hidráulica
  • taxa de reciclagem
  • tipo de preenchimento

Sistema de Purificação Anaeróbia

 

Estudo, simulação, dimensionamento e otimização em função dos seguintes parâmetros:

  • tempo de residência hidráulica
  • volume de biomassa
  • vazão de ar
  • taxa de reciclagem

DT-TA024

Aparato para Estudo de Aeração

Esta unidade permite o estudo do fenômeno de transferência de oxigênio nos sistemas de difusão de ar e os parâmetros físicos e químicos que influenciam a capacidade de oxigenação.

Programa didático

  1. Medida do coeficiente de absorção Ks e da capacidade de oxigenação R.

  2. Efeitos dos seguintes parâmetros:
    • grau da mistura.
    • temperatura.
    • vazão de ar.
    • profundidade da água.
    • disposição dos difusores.
    • composição da água.

DT-TA025

Planta Piloto de Filtro Prensa

Este sistema é equipado com um filtro prensa alimentado por uma bomba helicoidal de velocidade variável conectada a um tanque que contém a solução a ser filtrada. 

O filtrado passa por um rotâmetro e é em seguida coletado em outro tanque. A bomba permite a operação a pressão e vazão constantes.

Programa didático

  1. Equação característica da filtragem.

  2. Filtragem a vazão ou pressão constante.
  3. Procedimentos típicos de um filtro prensa (montagem, filtragem, desmontagem e limpeza).

DT-TA026

Unidade de Medida do Índice de Filtrabilidade

O aparato permite executar ensaios de filtrabilidade de suspensões em um leito granular (areia ou outro material). O leito é contido em um tubo vertical: as suspensões são introduzidas através de um funil, e percorrem o tubo de cima a baixo. A vazão é ajustada por meio de uma válvula, e é medida por um rotâmetro de área variável. 

Programa didático

  1. Princípios de filtragem em leito sólido.
  2. Uso de floculantes.
  3. Medida do índice de filtrabilidade.

DT-TA027

Unidade de Testes de Floculação

O floculador é projetado para a otimização da dose de coagulante no tratamento de águas residuais, ou seja, para executar o clássico “jar test”. 

Os agitadores múltiplos, com velocidades de agitação reprodutíveis, permitem obter as condições-padrão para o teste, que são fundamentais para chegar aos resultados reprodutíveis. 

Para facilitar a leitura, é possível retroiluminar a amostra sob teste pressionando o botão específico no painel frontal. A velocidade de rotação é programável na faixa de 10 a 300 rpm, a intervalos de 1 rpm, ao passo que o tempo de agitação pode ser regulado em duas escalas diferentes (horas ou minutos).

Programa didático

  1. Determinação da dosagem ótima de coagulante.
  2. Determinação do pH ótimo.
  3. Efeito da agitação.
  4. Coagulação na presença de carvão ativado.

DT-TA028

Equipamento para Estudo de Permeabilidade e Fluidização

Este equipamento permite estudar as características do fluxo de u líquido através de um leito de partículas sólidas; o equipamento também pode ser utilizado para testes de filtragem com leitos e águas reais.

Um leito de partículas sólidas (por exemplo: areia, esferas de vidro, etc.) é colocado em um tubo vertical transparente, através do qual se faz fluir água em sentido ascendente ou descendente.

O fluxo de água provém de um tanque a nível constante, conectado à rede de água; a vazão é indicada por um medidor de área variável. 

A queda de pressão no leito pode ser medida usando um manômetro de água e um manômetro de mercúrio.

Programa didático

  1. Queda de pressão em leitos sólidos.
  2. Verificação da equação de Kozeny.
  3. Fluidização de um leito sólido.
  4. Medida da permeabilidade de leitos densos.
  5. Fator de atrito.

DT-TA029

Equipamento para Estudo de Sedimentação

Este equipamento permite estudar facilmente os processos físicos e básicos referentes à sedimentação.

Cinco cilindros graduados são montados verticalmente frente a um painel luminoso. Cada um dos cilindros pode ser retirado do painel para operações de lavagem, enchimento e mistura. 

É possível inserir nos cilindros soluções com diferentes quantidades de suspensão, obervando diretamente as diferentes velocidades de sedimentação por meio da medida das variações de altura das diferentes interfaces sólido/líquido com o tempo.

Inclui cronômetro digital e três béqueres plásticos.

Programa didático

  1. Efeito da concentração sobre a velocidade de sedimentação.
  2. Construção de curvas de sedimentação.
  3. Efeito da altura da suspensão sobre a velocidade de sedimentação.
  4. Efeito do uso de floculantes.

 


DT-TA030

Unidade de Troca Iônica

O aparato é projetado para o estudo das resinas de troca iônica nas operações de tratamento de dureza da água, reproduzindo todas as fases típicas do processo industrial (descalcificação, regeneração, lavagem, etc.).

Programa didático

  1. Medida da capacidade de troca.
  2. Tratamento de dureza da água com resinas catiônicas.
  3. Desmineralização por dois leitos de resinas.
  4. Operações e eficiência de regeneração.

 

DT-TA031

Coluna de Filtragem de Leito Profundo

Este aparato foi projetado para o estudo da filtragem da água por filtros de areia.

Os resultados obtidos dos ensaios executados com este equipamento podem ser usados para obter resultados em escala referentes a filtros de tamanho real.

Programa didático

  1. Aumento da pressão em função do tempo de filtragem.
  2. Perfil de perda de carga no leito filtrante.
  3. Perfil de concentração da suspensão no leito filtrante.
  4. Demonstração de lavagem em sentido inverso.

DT-TA032

Planta Piloto para Tratamento Aeróbico de Água

A planta piloto de lodo ativado consiste em um reator de oxidação e de um decantador, conforme o diagrama tradicional de processos de tratamento de esgoto de um estágio.

A biomassa é oxidizada em um reator com agitador, pelo ar empurrado por um compressor. O líquido processado é enviado ao decantador por um transborde. Os lodos no fundo do decantador são reciclados por uma bomba de reciclagem e levados até o tanque de oxidação. 

Programa didático

A unidade de processo permite desenvolver e analisar os seguintes tópicos:

Eficiência da purificação em função dos seguintes parâmetros:
 - composição da água a ser tratada
 - tempo de permanência
 - carga orgânica
 - pH no tanque de oxidação
 - concentração de oxigênio dissolvido